22 fevereiro 2016

Tudo que aprendi antes dos 18

Foto reprodução: byohana_


Uma vez, alguém me disse que só é feliz, quem quer. E quem me garante que isso é mentira?

Ontem fiz dezoito anos e sempre rola aquele momento em que pensamos em tudo que já passamos. - Não é?- Principalmente os últimos 4 meses. Acordei com vontade de transformar isso em um texto e, vamos ver no que vai dar...

O tempo passou e ainda me sinto a mesma menininha de sempre mas sei que tudo mudou. 

Me tornei mais segura que antes. Já não ligo para o que acham e pensam de mim. Aprendi a deixar as pessoas saírem da minha vida. Já não perco tempo com gente vazia. E aprendi a deixar outras chegarem. Aceitei minhas diferenças e percebi que elas me tornam, alguém que ninguém pode ser e, inevitavelmente, ser diferente é incrível.

Passei a amar meu cabelo. A não esperar muito das pessoas e entender que vez ou outra, elas vão nos decepcionar. E vai ser gente que a gente não esperava. Entendi que deixar ir dói. E ficar prendendo dentro de nós, dói mais ainda.

Me tornei amiga de gente que eu não imaginava. Conheci pessoas novas e fiz grandes amigos e amigas. Mas, das pessoas que confio hoje, a maioria são homens. Dos antigos relacionamentos entendi que as pessoas não assinam um contrato que as forcem ficar. -Por mais que no momento, a gente deseje isso-. Não é porque fui sua amiga, que tenho que continuar sendo. Não é porque te achei diferente dos outros caras, que continua sendo. Ou era. Afinal, só vemos o que queremos.

Nos últimos tempos, dei um tempo pro coração. Deixei fazer o trabalho dele. - bombear o sangue-, e me manter viva. Me tornei menos ingênua, o que de certo modo, foi uma pena. Passei a viver sem promessas. Pressa. Mais realidade. Intensidade. Menos lembranças.


Encontrei aquele alguém que há um tempo escrevi em um texto, que encontraria numa lanchonete ou seila. E pasmem: Encontrei numa festa.
Ele me abraça e não desejo mais nada. Sinto vontade de segurar na mão dele e sair por aí sem destino com uma mochila e uma câmera. Ele me faz ser assim. Simples.
Me faz trocar uma tarde de livros, por um fim de semana ensolarado na praia. Reciprocidade.


Um comentário:

  1. adorei *-* quem bom que aprendeu tudo isso e parabéns pelo seus 18 :D (ainda estou nos 16)
    beijos :*
    http://memorialices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Oi!♥
Comente sempre! Seja um membro ativo!
Amo responder comentários!